Ah, as cartas!

so-carta

Há quanto tempo você não escreve ou recebe  uma carta?

Em tempos de mídia, carta, envelope e selo parecem coisas do passado.  Algumas folhas amareladas em um velho baú, talvez. Será? Que tal (re) descobrir o encanto de abrir um envelope, sentir a emoção, a surpresa ao reconhecer certa letra, certo estilo amado.  Ou sobre um papel cuidadosamente escolhido, letra caprichada, pensar em algo importante para escrever a alguém? Ah, as letras embaladas de afeto, indignação ou saudade! E depois… a ansiedade no aguardo da resposta em meio a contas, propagandas e outras correspondências.

O livro Destino, destinatário: histórias em cartas traz a inspiração para que sua alma se revele a uma pessoa especial, cuidadosa e intensamente

Que tal buscar essa fonte de inspiração para sua vida?

Adquira o seu!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: